Informações

  • Objetivo

    O curso destina-se à capacitação técnica de profissionais, com foco na gestão proativa nas áreas da Engenharia de Segurança do Trabalho sob enfoque do valor agregado, como fator estratégico para a competitividade das organizações, permitindo uma visão sistêmica de negócio, ética e de atendimento às necessidades típicas da área.

  • Público-alvo
    Engenheiros, Arquitetos, Agrônomos e demais graduações ligadas a área de Engenharia de Segurança do Trabalho.
  • Duração
    18 meses
  • Próxima Turma
    26 de setembro (Turma confirmada)
  • Coordenação Executiva
    Prof. Me. Francisco Carlos Delgado Gomes

  • Matriz Curricular

    • Módulo I
      Introdução à Engenharia de Segurança do Trabalho
      Legislação e Normas Técnicas
      Ergonomia
      Gerência de Riscos
      Higiene do Trabalho I – Riscos Físicos

     

    • Módulo II
      Higiene do Trabalho II – Riscos Químicos
      O Ambiente e as Doenças e do Trabalho
      Higiene do Trabalho III – Riscos Biológicos
      Proteção Contra Incêndios e Explosões
      Prevenção e Controle de Riscos em Máquinas, Equipamentos e Instalações I
      Administração Aplicada à Engenharia de Segurança do Trabalho

     

    • Módulo III
      Prevenção e Controle de Riscos em Máquinas, Equipamentos e Instalações II
      Proteção do Meio Ambiente
      Psicologia na Engenharia de Segurança do Trabalho
      Documentação para Engenharia de Segurança do Trabalho.
      TCC – Projeto Final de Segurança do Trabalho

  • Atividades Complementares

    Consideram-se atividades complementares ao curso, não vinculadas às atividades propostas no desenvolvimento das disciplinas, tendo como objetivo propiciar ao aluno novas experiências:

    • Participação em seminários e congressos;
    • Realização de curso de extensão;
    • Visitas técnicas a instituições vinculadas às áreas de interesse do curso;
    • Atividades comunitárias;
    • Participação em projetos sociais.

  • Certificação

    O certificado do curso de Pós-graduação EAD em Engenharia de Segurança do Trabalho, com validade em todo o território nacional, atende às exigências da Resolução MEC/CNE/CES nº 1, de 6 de abril de 2018. A UCAM é devidamente credenciada pela Portaria MEC 1.282, de 26 de outubro de 2010, para a oferta de cursos na modalidade EAD. O curso é homologado pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio de Janeiro (CREA-RJ), por meio da PL/RJ Nº 0047/2015.

    Ao cumprir integralmente os módulos do curso o egresso receberá a titulação de Especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho, estando legalmente apto ao exercício da atividade de Engenheiro de Segurança do Trabalho em diferentes níveis e Instituições.

  • Mercado de Trabalho

    O egresso terá condições de atuar como consultor, pesquisador, professor ou especialista, em organizações públicas, privadas e ONGs.

  • Metodologia

    O material didático é elaborado especificamente para a metodologia a distância e contribui para o aprendizado do estudante, principalmente pelas atividades realizadas ao longo do curso. O conteúdo será disponibilizado no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), com apoio de material didático que poderá ser impresso. As atividades específicas como chats, fórum de discussão, grupo de whatsapp e contatos por meio da plataforma auxiliam no desenvolvimento das competências e na interação com professores e colegas. 

    As atividades práticas, no total de 60 horas, são efetivadas por meio de atividades ou resolução de problemas propostos em que o aluno se dirige a campo (empresa, estabelecimento) para realizar as atividades, sob orientação do professor/tutor, nas disciplinas seguintes: 

    Gerência de Risco, 10 horas; Higiene do Trabalho I – Riscos Físicos, 10 horas; Higiene do Trabalho II – Riscos Químicos, 10 horas; Higiene do Trabalho III – Riscos Biológicos, 10 horas; Prevenção e Controle de Riscos em Máquinas, Equipamentos e Instalações I, 10 horas; Prevenção e Controle de Riscos em Máquinas, Equipamentos e Instalações II, 10 horas.

     

  • Avaliação de Desempenho

    O sistema de aprendizagem é composto por Atividades de Auto Aprendizagem com exercicios de fixação com feedback automático e as avaliações são realizadas por meio de provas online com perguntas objetivas e discursivas. 

    As notas de cada disciplina serão expressas em escala de 0 (zero) a 10 (dez), e para a obtenção do título, o estudante deverá  apresentar aproveitamento igual ou superior a média 7,0 (sete) em todas as disciplinas do curso, incluídas as atividades a distância e as provas online; além da apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso – TCC a ser entregue por escrito e apresentado por webconferência para a banca examinadora. 

    Trabalho de Conclusão de Curso – TCC

    • Será produzido em forma de artigo e deverá ser enviado e apresentado por meio de webconferência para avaliação da banca examinadora.
    • A disciplina de TCC desenvolverá todas as competências necessárias para o envio do artigo e apresentação para a banca.

    .

  • Trabalho de Conclusão de Curso – TCC

    A Resolução CNE/CES/MEC nº 1, de 6 de abril de 2018, não considera a obrigatoriedade da apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso, não sendo, portanto, obrigatória a sua inserção no PPC dos cursos iniciados a partir de 29 de setembro de 2018.

    No entanto, para os alunos matriculados no curso de Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho, cuja oferta é regida por norma legal específica e vinculada aos Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia (CREA) e Conselhos Regionais de Arquitetura e Urbanismo (CAU), será necessária a elaboração e apresentação (por meio de webconferência) do TCC como uma das condições obrigatórias para conclusão do curso.  

    O TCC consiste em uma produção científica, abordando uma temática que tenha sido alvo de estudos durante o curso, devendo ser realizado individualmente e orientado por tutor-orientador, que orientará o aluno quanto à estruturação metodológica e temática, no cronograma estabelecido, tendo como prazo de 3 (três) meses para a conclusão e entrega da versão final do trabalho.

  • Perfil Profissional

    De acordo com as Resoluções CONFEA 359, de 31 de julho de 1991, e CAU/BR 162, de 24 de maio de 2018, as atividades de Engenheiros e Arquitetos na especialidade de Engenharia de Segurança do Trabalho são as seguintes:

    I – supervisão, coordenação, gerenciamento e orientação técnica dos serviços de Engenharia de Segurança do Trabalho;

    II – estudo das condições de segurança dos locais de trabalho e das instalações e equipamentos, com vistas especialmente aos problemas de controle de risco, controle de poluição, higiene do trabalho, ergonomia, proteção contra incêndio e saneamento;

    III – planejamento, desenvolvimento e implantação de técnicas relativas a gerenciamento e controle de riscos;

    IV – realização de vistorias, avaliações, perícias e arbitramentos, emissão de pareceres e laudos técnicos e indicação de medidas de controle sobre grau de exposição a agentes agressivos de riscos físicos, químicos e biológicos, tais como poluentes atmosféricos, ruídos, calor, radiação em geral e pressões anormais, caracterizando as atividades, operações e locais insalubres e perigosos;

    V – análise de riscos, acidentes e falhas, investigando causas, propondo medidas preventivas e corretivas e orientando trabalhos estatísticos, inclusive com respeito a custo;

    VI – proposição de políticas, programas, normas e regulamentos de segurança do trabalho, zelando pela sua observância;

    VII – elaboração de projetos de sistemas de segurança e assessoramento na elaboração de projetos de obras, instalações e equipamentos, opinando do ponto de vista da Engenharia de Segurança do Trabalho;

    VIII – estudo das instalações, máquinas e equipamentos, identificando seus pontos de risco e projetando dispositivos de segurança;

    IX – projeto de sistemas de proteção contra incêndio, coordenação de atividades de combate a incêndio e de salvamento e elaboração de planos para emergência e catástrofes;

    X – inspeção de locais de trabalho no que se relaciona com a segurança do trabalho, delimitando áreas de periculosidade;

    XI – especificação, controle e fiscalização de sistemas de proteção coletiva e de equipamentos de segurança, inclusive os de proteção individual e os de proteção contra incêndio, assegurando-se de sua qualidade e eficiência;

    XII – participação na especificação para aquisição de substâncias e equipamentos cuja manipulação, armazenamento, transporte ou funcionamento possam apresentar riscos, acompanhando o controle do recebimento e da expedição;

    XIII – elaboração de planos destinados a criar e desenvolver a prevenção de acidentes, promovendo a instalação de comissões e assessorando o funcionamento;

    XIV – orientação de treinamento específico de segurança do trabalho e assessoramento na elaboração de programas de treinamento geral, no que diz respeito à segurança do trabalho;

    XV – acompanhamento da execução de obras e serviços decorrentes da adoção de medidas de segurança, quando a complexidade dos trabalhos a executar assim o exigir;

    XVI – colaboração na fixação de requisitos de aptidão para o exercício de funções, apontando os riscos decorrentes desses exercícios;

    XVII – proposição de medidas preventivas no campo da segurança do trabalho, em face do conhecimento da natureza e gravidade das lesões provenientes do acidente de trabalho, incluídas as doenças do trabalho;

    XVIII – informação aos trabalhadores e à comunidade, diretamente ou por meio de seus representantes, das condições que possam trazer danos a sua integridade e as medidas que eliminem ou atenuem estes riscos e que deverão ser tomadas;

    XIX – organização e supervisão das CIPAS;

    XX – outras atividades destinadas a prevenir riscos à integridade da pessoa humana e a promover a proteção à saúde do trabalhador no ambiente de trabalho.

  • Investimento

    Pagamento em até 24 parcelas de R$ 370,00

    10% de desconto para alunos egressos da Candido.

    Valores promocionais

    • Pagamento em 12 parcelas de R$ 550,00
    • Pagamento 16 parcelas de R$ 448,00
    • Pagamento à vista no valor de R$ 6.000,00

24 parcelas de

R$ 370 ,00

Quer saber mais?

Por que se especializar na Candido Mendes?

Não é somente o preço acessível e a já conhecida qualidade que somam em nossos cursos.


Investimento Seguro

Agora dá para fazer uma graduação sem pesar o bolso e subir de vida


Preparação para o mercado

Um material preparado por professores especialistas e atuantes com o que há de mais novo no mercado.


Metodologia Atualizada

Metodologia atualizada a novas tecnologias e ferramentas de ensino.


Universidade preferida pelos contratantes

A Candido tem grande tradição e qualidade de ensino, sendo uma das universidades preferidas dos contratantes.

Certificações do Curso

Vídeos

Vale a pena se especializar

Especialização com até 15% de desconto, diploma de valor igual ao do presencial em uma Universidade de tradição.
Pós-graduação em
Engenharia de Segurança do Trabalho
é na CANDIDO.

INSCREVA-SE

Aguarde, realizando operação...